Catavento agora tem sala Dinos do Brasil com muita realidade virtual


Postado por: Luísa Alves - 6. mar 2017

sala_dinos_do_brasil_catavento_gfdc


O Museu do Catavento já tem seu conceito formado de uma maneira totalmente dedicada ao lúdico. Falando de ciências da natureza de uma maneira tão atrativa aos olhos, o local atinge todas as idades e desperta interesse, além de novas formas de ver o mundo. Nos últimos dias, foi inaugurada a sala Dinos do Brasil, elaborada com tecnologia de realidade virtual em altíssima qualidade. Ela vai proporcionar aos visitantes uma experiência imersiva e interativa pelo território brasileiro na era mesozoica – entre 250 milhões e 65 milhões de anos atrás – com auxílio de óculos de realidade virtual.

A sala possui 100m² no total e ficará na seção Vida do Museu, oferecendo sete sessões diárias de 40 minutos de duração com capacidade para 25 pessoas. A bordo de uma cápsula do tempo, a atividade levará o público para uma viagem guiada pelas paisagens primitivas do Brasil, de norte a sul, nos períodos Triássico e Cretáceo.

Uberabatitan, Abelissauro, Unaissauro e Saturnália são algumas das espécies de dinossauros brasileiros que irão interagir com os visitantes, junto a outros animais pré-históricos, em meio a um passeio por florestas, desertos e áreas vulcânicas que, à época, faziam parte do relevo do território nacional. A experiência multissensorial, que estimula visão, audição e senso de direção, é destinada não somente às crianças, frequentadoras assíduas do museu, mas também os adultos que apreciam história, tecnologia e games.

Serviço
Horários:
– De terça-feira a domingo, das 9h às 17h
– Feriados: Consulte o link “Notícias do Catavento”
– Entrada até as 16h
– Recomenda-se a visitação para crianças acima de 9 anos. Menores somente acompanhados dos pais.
Aos Finais de Semana, feriados e férias escolares para participar das sessões nas salas é necessário a retirada de senhas na recepção do Catavento. Entrada no Museu: R$ 6,00 (Inteira) e R$ 3,00 (Meia)


Leia também


Sobre Luísa Alves

Gaúcha que ama São Paulo e mora a cerca de 4 anos na capital. É mãe da Aurora e trabalha, além da maternidade, com mídias sociais.